Alta do dólar e alta de impostos começam a refletir nos preços de aplicativos da Windows Store brasileira

A desvalorização do Real começa a ter impacto em diversos setores da economia e principalmente nas  lojas de aplicativos de computadores, celulares e tablets.

Alta de preços

Hoje, a Microsoft começou a enviar e-mail informativo (imagem acima) aos desenvolvedores, destacando os reajustes que estão sendo feitos nos valores de aplicativos comprados na loja brasileira e adequando o valor dos aplicativos a realidade atual do mercado. Por outro lado há uma vantagem, pois ainda temos a possibilidade de comprar o mesmo aplicativo (caso esteja disponível) em outra região, como por exemplo, a região do Estados Unidos, limitado a meios de pagamentos como o Paypal ou cartões de créditos.

Exemplo: um aplicativo que custava US$ 2.99 pagaríamos R$ 6,50 na loja brasileira, agora, o mesmo aplicativo passará a custar R$ 10,30.

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.