Ambicioso, Vernee Thor E promete bateria para 3 dias de uso moderado custando R$ 437,00

Com esforços geralmente posicionados para o mercado de premium, a companhia asiática Vernee acaba de sair da caixa ao lançar um smartphone acessível voltado para o público que demanda certa energia extra em seus dispositivos. Custando apenas $130, o aparelho surpreende ao trazer bateria expressiva de 5020 mAh, boa construção e especificações decentes.

Desenhado em um corpo de alumínio, o Vernee Thor E oferece características Premium ao apresentar apenas 8.2mm de espessura e um peso de 149g light. Compacto, uma tela de 5 polegadas em resolução HD exibirá as imagens processadas por um chipset Mediatek octa-core de 1.5 GHz e 3 GB de memória RAM. Para capturar imagens você contará com uma câmera principal de 13 megapixels e uma frontal de 5 megapixels. São 16 GB de armazenamento disponibilizados no dispositivo que roda uma modificação do Android 7.0, chamada de VOS.

Sendo o seu principal destaque, a massiva bateria promete 18 horas de reprodução de vídeo, 36 horas de conversação e cerca de 30 dias em standby. Graças a sua resolução modesta, a empresa garante que o aparelho será capaz de entregar 3 dias de uso moderado, contando com carregamento rápido de 9V/2A, o que teoricamente garante uma carga completa em apenas 30 minutos.

Além disso, o Vernee Thor E conta com um modo de economia de bateria próprio acessado através de um botão físico dedicado a função. O modo consiste na ativação de um esquema de cores monocromáticas que aliarão-se a redução do clock do processador, possibilitando um aumento de 20% na duração da bateria.

Para evitar a insegurança do consumidor em relação a uma bateria tão grande em um dispositivo tão fino, a Vernee listou que o pacote de polímero de lítio passou por extensos testes de 8 passos, incluindo perfurá-lo com uma objeto pontudo, ou superaquecê-lo. Estes testes ainda comprovam que a bateria oferecida possui uma resistência a deterioração maior do que o que tem sido visto no mercado a fora, garantindo a permanência de 90% da capacidade da bateria após nada menos que 600 ciclos.

Como um aparelho atual e dedicado a uma das características mais revelante dos últimos tempos, a asiática busca um espaço no mercado e volta os seus olhos para as necessidades em faixas de preço mais acessíveis. Você compraria o Vernee Thor E?

Via.

Sobre André Portella

Estudante de TI, viciado em música, adorador de tecnologia e games.