Atropelou: Dos 20 smartphones mais procurados e vendidos no Brasil 17 são da Xiaomi: aqui está a lista completa

A Xiaomi está roubando a cena e sem pena alguma passando por cima de todas as fabricantes de smartphones no Brasil. E agora, José? Acontece que a marca nem vende oficialmente por aqui, isso é, não tem fabrica nem autorizada e mesmo assim ta conseguindo atrair um gigantesco número de interessados.

Dito isso, seus aparelhos são comercializados com garantia apenas do vendedor e assim seu custo final sai muito em conta para qualquer um. Mas a boa notícia é que a empresa está fazendo os preparativos para voltar a atuar em mercado nacional e certamente deverá colocar diversas autorizadas gradualmente.

Contudo, listamos 20 smartphones que são os mais procurados e também mais comercializados por aqui. Essa lista inclui tanto smartphones Xiaomi, como de outras marcas, como os da Motorola e da Asus, porém 17 deles são da Xiaomi.

Xiomi Mi 8 Lite é um smartphone muito lindo quando se trata de acabamento e construção. Ele é muito mais bonito pessoalmente do que por imagens.

Avaliação de comprador: O celular é incrível, tem um acabamento impecável. A câmera não deixa nada a desejar. Estou usando a uma semana e cada dia mais encantada. Se você está em dúvida, vale muito a pena optar por este aparelho. Muito rápido, os apps fluem muito bem, tem várias funções legais que não encontramos em outros Androids do mercado, a Miui 10 é ótima. A tela também é excelente, a bateria tem durado o dia todo. Estou muito feliz com a compra e super recomendo!


Avaliação de comprador: Utilizava um iPhone antes, mas acabou estragando e decidi mudar e tentar um celular Android. Ainda há um preconceito de pessoas por ser uma marca não tão conhecida, mas não me arrependo da escolha.

A tela possui ótima resolução, resposta rápida aos comandos mesmo com muitos aplicativos instalados e/ou abertos. De tamanho era maior do que imaginava, pra quem gosta de utilizar o celular com apenas uma mão e tem mãos pequenas, não indico KKK para quem está na dúvida, me enviaram a versão GLOBAL, os pinos do carregador são padrão C (2 pinos redondos) e vem com uma capa. Estou utilizando há uma semana, em um dos dias a bateria durou 2 dias com pouco/médio uso mesmo com GPS, wi-fi, assistente do Google e outras coisas ligadas. Super indico esse celular.


Estamos falando aqui do mesmo smartphone que foi colocado no primeiro do nosso ranking, porém este tem o dobro de armazenamento interno: são 128GB ao invés de apenas 64GB.

Claro, isso porque o de 64GB é bem mais acessível do que o de 128GB. Por isso, a procura é maior para o modelo mais acessível.

Avaliação do comprador: Excelente aparelho. O custo-benefício é sensacional. Boa duração de bateria (para uso moderado), display de alta qualidade, processamento eficiente (sem nenhum tipo de travamento), interface MIUI bastante intuitiva e câmeras excelentes. Em resumo, é um aparelho muito bom e que se equipara aos modelos TOP de linha de outras marcas. Recomendo.


Temos aqui um dos modelos mais baratos da Xiaomi que está listado também no nosso raking. A partir daí vemos como a empresa está dominando mesmo sem vender oficialmente por aqui.

A questão é que, pelo fato da empresa não ter fabrica nem assistências autorizadas, o valor dos aparelhos ficam bem abaixo do que costumamos pagar por um smartphone com garantia padronizada de 1 ano pela fabricante.


O Redmi Note 7 é um dos primeiros smartphones da Xiaomi, mas que é comercializados pela sua sub-marca, a Redmi.

A empresa usou de estratégia montar uma sub-marca para conseguir vender seus produtos ainda mais barato do que já se vende. A jogada deu muito certo e esse lindo smartphone azul pode ser encontrado hoje custando aproximadamente R$ 1300,00.

Avaliação do comprador: Valeu a pena comprar esse aparelho. No início eu tinha receio pois a XAOMI não é assim muito famosa no Brasil. Busquei informações em sites especializados e alguns vídeos no Youtube, e um deles em especial cita ser este o aparelho com o melhor custo x benefício do momento, e eu concordo.
Excelente performance, qualidade, acabamento perfeito, recomendo.


Atrás do modelo azul está o Redmi Note 7 na cor preta. Isso mostra que as pessoas primeiro buscam pelo modelo na cor azul e depois vem o modelo na core preto.

De qualquer forma, trata-se do mesmo smartphone tanto por dentro quanto por fora, diferenciando apenas na cor mesmo.

Definitivamente o Redmi Note 7 vende que nem água e também não é para menos, considerando tudo que ele oferece por cerca de R$ 1.300,00 .


Esse modelo é um dos mais vendidos na nossa loja parceira Amazon Brasil. Lá tu consegue comprar ele e ainda dividir em até 12x sem juros com valor de frete bem em conta.

Avaliação do comprador: Aparelho super bonito e bem acabado, rápido e bem otimizado com a MIUI (aprendendo a economizar a bateria e liberação de RAM com o meu estilo de uso), câmeras muito boas para a faixa de preço (mas que teria um aproveitamento muito melhor com o APK Google câmera, mas está longe de decepcionar um usuário casual), enfim um ótimo aparelho com muitos prós. A unica coisa que me decepcionou foi a quebra do vidro traseiro (uma queda de uns 30cm)… Mas que foi rapidamente trocada pelo valor de 420 reais. Não se tem garantia para o aparelho então todo cuidado é pouco. Mas tirando isso, estou super satisfeito com o mesmo! Recomendado para pessoas exigentes!


Este modelo é o mesmo que o descrito na quarta posição. Por menos de R$ 600 reais tu leva esse smartphone pra casa.

Para quem ainda tem dúvida sobre a qualidade do aparelho, fique despreocupado! O Xiaomi Redmi 6A Global atende a todas as expectativas de um aparelho de entrada e tem um ótimo custo benefício se comparado à outras marcas tradicionais.


A bateria com certeza dura mais que dois dias de uso moderado. Com uso intenso (p.e. Pokemón Go) ela dura exatamente dois dias. Tela com alta resolução, porém as fotos da câmera frontal e videos noturnos deixam a desejar.
O desempenho é excelente, a alternância entre os aplicativos é fluida, sem travamentos. Até agora,
não me deixou na mão e inclusive recomendo aqueles que não se importam com fotos e vídeos mas sim com desempenho e bateria.

Avaliação de comprador: O Xiaomi Mi A2 é fantástico! Entrega tudo o que é visto nos reviews a respeito do produto. De fato, o único ponto negativo do Mi A2 é a bateria, mas se você é um usuário que não está procurando um aparelho com desempenho de bateria visando altas horas de utilização em jogos, pode comprar sem medo. Deixo aqui algumas dicas:
I. Se você é muito desastrado e acha que a capinha de TPU (que acompanha o produto) não irá fornecer a proteção adequada, aconselho a já comprar uma aqui na Amazon mesmo, bem como a película de vidro ou gel, pois é muito difícil encontrar em lojas convencionais de vendas de capas para celular;
II. Não use sem capa de proteção nem película: não se esqueça que o celular não tem garantia em território brasileiro (a loja dá 3 meses de garantia ao produto). Caso algum componente do smartphone venha a ser danificado, será difícil efetuar a manutenção do mesmo;
III. O smartphone não admite expansão de memória via microSD; então, compre com a quantidade de memória que atenda o seu nível de utilização.

Avaliação do comprador: Excelente duração de bateria. Para você ter uma ideia, usei por exatamente 24hrs em apps de redes sociais, alguns jogos leves e muitos vídeos no YouTube, com apenas 67% da carga após a primeira inicialização do smartphone.
Brilho no médio com volume alto: 48 minutos num vídeo no app YouTube sem gastar nenhum porcento da bateria.

A câmera não é o destaque deste aparelho, obviamente. A câmera frontal não tem flash, por isso nem tente tirar fotos em lugares com pouca iluminação. Como é de praxe nos aparelhos de baixo custa da Lenovo/Motorola, não entrega fotos com qualidade ao menos ‘boas’, mas sim “é o que tem”. Já a câmera traseira entrega imagens de qualidade muito abaixo do ideal para um aparelho em pleno 2019, condizendo, assim, fotos “razoáveis” em condições favoráveis de iluminação. Por outro lado, em condições não tão fervorareis com pouca luz, as imagens sairão péssimas.

Embora os 3GB de memória RAM não seja nem o mínimo para um aparelho com esse preço, posso dizer que os apps rodam com bastante fluidez no Android 9. Mas não se iluda, após alguns meses você com certeza sentirá falta de mais 1GB de RAM para se manter o funcionamento básico do smartphone.


Avaliação do comprador: Para um smartphone que sai custando cerca de R$ 350,00 é o melhor que se tem. Pelo preço do produto, vale a pena se quer um celular simples, veio super rápido, estava previsto para 15 dias mas chegou em 5, parabéns.

Prós: bateria com boa duração e Android atualizado até a versão 8.1, o celular é muito bom, comparado ao seu preço.

Contra: pouco armazenamento interno, somente com os app instalados de fábrica e sistema Android consomem quase 50% do armazenamento total.


Avaliação do comprador: Desempenho monstro; Câmeras são muito boas, tanto a traseira quanto a frontal, achei melhores que as do Zenfone 5; Bateria muito boa pra categoria; Biometria e facial é surreal, eu até acabei tirando o desbloqueio facial por conta de não conseguir ver as horas, simplesmente não dá tempo e ver a tela de bloqueio; a MIUI é excelente, é muito recurso e, ao invés de sentir que estivesse carregado de coisas eu sinto que é muito otimizado, NÃO existem lentidões ou travamentos; radio fm; entrada pra cartão de memória e dois chips (slot híbrido); USB-C; dentre coisas menores.

Pontos negativos é a construção de plástico (embora eu não achei isso nada de ruim, só usar capa): Tela é de intermediário, porém é boa, a luminosidade baixa é muito boa mas no nível alto é só OK, os pretos poderiam ser mais escuros, mas como é uma IPS não dá pra pedir muito; a MIUI ajuda porém tem umas coisas um pouco chatas, ela tende a parecer muito com o IOS, tem bastante apps desnecessários que não da pra tirar de maneira simples, com isso terá vários apps duplicados.

Enfim aparelho espetacular para o preço, sem igual, os pontos negativos são muito pequenos para fazer você desistir da compra, ele é surpreendente.


Avaliação do comprador: Recebi o meu 3 dias depois da compra! Celular maravilhoso, muito bonito, é bem grande pra quem tava acostumada com um iPhone 5 rsrs

Veio na versão global. Penei um pouco pra conseguir baixar o Instagram pois não é compatível com o dispositivo, não sei o porque.. mas deu certo baixando o APK normalmente! Até agora não tenho o que reclamar!



Avaliação do comprador: Ele é barato por isso seu modelo é de entrada. Ou seja, ele é considerado básico. No entanto, ele é muito compensador de certa forma! Para a maioria dos consumidores que não exigem do celular uma alta performance, o Xiaomi 6A é:
incrivelmente rápido, interface agradável, Android 8.1, espaço de sobra, bom microfone e alto falante, câmera sensacional, meu 4G da Oi funciona perfeitamente e o Wi-Fi também. Os vídeos ficam bem HD(720p), seu tamanho de tela é grande mas sem exageros. E seu tamanho físico cabe em bolsos, mochilas, sem problemas.

Acredito que seu único cuidado deve ser em protege-lo com película de vidro forte pois seu touch parece frágil. Posso estar enganado, mas é a impressão que passa. O vendedor mandou bem na entrega, respondeu minhas dúvidas e o aparelho chegou no período estimado.


Avaliação do comprador: Amei esse celular, recomendo de olhos fechados. Ótimo celular no ponto custo-benefício.

Único ponto que não me agradou é a duração da bateria, me falaram que durava um pouco mais do que eu esperava, porém dura menos de 12 hrs, dependendo do uso, claro.


Avaliação do comprador: O Max Pro M1 no geral é um smartphone muito bom, a parte que mais gostei é a da bateria uso bastante para fazer pesquisa e tá durando média até 3 dias.
No entanto, a parte de custo benefício ele ainda tá saindo caro em relação a outros concorrentes que são bons e tem preço mais em conta. Claro que não devemos esquecer que pelo menos vem com garantia de 1 ano da fabricante – o que outros mais baratos não tem.


Avaliação do comprador: O aparelho é de fato um dos intermediários com melhor acabamento na categoria, chamando atenção pela escolha dos materiais utilizados em sua construção, bem como pelo seu design que se difere do restante da linha Motorola.
Caso o interessado na compra faça uma comparação levando em consideração apenas a especificação técnica de produto, poderá descartar um dos aparelhos Android com uma experiência de uso mais fluída e extremamente amigável.

Para quem deseja um aparelho funcional, com uma experiência Android sem engasgos, que não liga para especificação de produto (que, em muitos casos, não significa a melhor escolha), mas que é exigente em aspectos como ergonomia e qualidade de acabamento, o Motorola One é uma opção muito interessante.


Avaliação do comprador: Por ser um celular quase topo de linha e a bateria ter capacidade de 3.500MAh, acho que deveria aguentar mais, pois tinha um Asus Zenfone 3 e usava igual a este, porém tinha durabilidade de bateria superior.

Quando ao aparelho, nota 10 em beleza, modernidade, recursos, velocidade e espaço de armazenamento. Recomendo 100%, pois é um ótimo custo benefício e parabéns a Xiaomi pela obra de arte, que venham novos lançamentos como este. Já sou fã da marca, comprei pro meu filho o Redmi Note Pro e também é um ótimo smartphone.


 

Avaliação do comprador: Estava em duvida entre o Motorola One e o Xiaomi Mi A2 Lite, pelo medo de não ter assistência técnica no Brasil, mas mesmo assim peguei o Xiaomi, por ter uma bateria e tela melhores.

O celular é muito bom, pelo preço possui boa quantidade de RAM, armazenamento e bateria. O leitor de digitais funcionou bem comigo (uma dica é registrar o mesmo dedo como 2 ou 3 digitais diferentes). Também conta com entrada de fone de ouvido, diferente do Mi A2 comum, e não possui sistema de NFC.

O telefone atendeu muito bem as expectativas! Na verdade estava receoso (por puro preconceito) de que por ser chinês ele seria de má qualidade, entretanto foi tão além do que eu esperava.

Três coisas para mim são os principais destaques:
1) A bateria de 4000 mAh dura “pra sempre” (já fiquei dois dias sem colocar ele na tomada usando bastante, jogando, ouvindo música, bluetooth e GPS ligado)
2) O leitor de impressão digital atrás do aparelho, que aceita diversas digitais, e assim facilita demais o uso
3) A qualidade e volume do áudio, que mesmo no bolso fica fácil de ouvir notificações

Certamente meu próximo telefone vai ser uma evolução do A2 Lite, com certeza vai ser Xiaomi se eles se mantiverem como estão hoje.

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.