Cortana: A assistente virtual terá senso de humor semelhante a de um ser humano!

Cortana

A Cortana atualmente já é bastante humorada se comparada com assistentes virtuais em outras plataformas. Desde o seu lançamento já contava com uma ou mais piadas e até dava boas risadas, mas, sabemos que isso na verdade vem de uma programação pensada e predefinida.

A revista New Yorker, publicou em um de seus artigos mais recentes, a revelação de um esforço em conjunto com a Microsoft envolvendo Cortana. A fonte referiu que o chefe do projeto Dafna Shahaf, pesquisador da Microsoft que visa transformar a inteligência artificial Cortana para adotar um senso de humor semelhante a de um ser humano.

De acordo com membros do projeto, a tarefa não é nada simples , pois o objetivo é ensinar Cortana analisar situações, contextos. Questões essas que pode ter um sentido humano, como o humor.

Estes planos já estão avançados, de acordo com pesquisa feita pelo Shahaf, Cortana pode detectar 55,8% com precisão em situações humorísticas. Esta é uma enorme evolução para uma assistente pessoal, e para que uma máquina possa detectar o senso de humor é algo extremamente complexo, nem mesmo todos os seres humanos podem detectar.

O trailer do filme “HER”abaixo exibe algo semelhante ao projeto em questão. Confira:

Os planos estão sendo trabalhados conjuntamente com o projeto “Oxford” , um conjunto de programas que podem detectar objetos em imagens e analisá-lo, o mesmo que é usado no Onedrive para classificar imagens.

Microsoft está juntando todos os recursos à sua disposição para tornar a Cortana bem mais próxima de um ser humano, então poderíamos interagir com ela de uma forma natural. Muito em breve veremos alguns desses avanços implementados na Cortana.

Nossos leitores conseguem imaginar a Cortana entendendo o humor em uma frase ou até mesmo em desenhos?

Via: WindowsTeam WPA

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.