Jovem cai e morre da janela do segundo andar enquanto capturava selfies

Toni Kelly, uma jovem de 20 anos da Nova Zelândia, era conhecida pelo selfies que fazia durante suas muitas viagens. Com isso, há aproximadamente duas semanas, Kelly estava em sua casa, em Tooting, tirando algumas selfies, quando inesperadamente ela caiu da janela do segundo andar, em Londres. Apesar de ser levada às pressas para o hospital, ela sofreu uma lesão cerebral gravíssima e, infelizmente, morreu.

Os pais de Kelly organizaram uma campanha online na plataforma “Givealittle” e conseguiram arrecadar US$ 39,3 mil para transportar o corpo da jovem de volta para a Nova Zelândia. Sendo, portanto, uma doadora de órgãos, Kelly terá os seus retirados e levados para os Estados Unidos e, com isso, ajudar a salvar outras vidas que necessitam e dependem imensamente de doações de órgãos.

“Toni era uma jovem, feliz e linda que teve um trágico acidente enquanto vivia no exterior. Infelizmente, Toni morreu tristemente devido aos danos causados pelo ocorrido. As contribuições ajudará a família a trazer Toni para casa e pagar por qualquer despesas extras. ” – disse Lucy Griffiths, amiga de Toni Kelly.

[gallery columns="2" link="file" size="medium" ids="57687,57688"]

Tendo em vista esse e muitos outros casos de pessoas que morrem por simplesmente ter tirado selfies em lugares perigosos, sempre é bom aprendermos com os erros dos outros, para que um dia isso não venha ocorrer conosco. Sendo assim, certifique-se de que você não está colocando sua vida em perigo, pois, nenhuma selfie, ou imagem, valem mais do que a nossa preciosa vida.

FonteVia

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.