Microsoft “mata” de uma vez por todas o Windows Phone / Windows 10 Mobile

Para nós que sempre falamos aqui de Windows Phone, a plataforma móvel da Microsoft está morta e completamente abandonada desde 2016, especificamente quando o novo CEO assumiu a liderança da grande empresa de software, que por ironia do destino não teve sucesso em seu próprio software.

Mais recentemente ficamos informados de que a plataforma terá suas atualizações de seguranças encerradas muito em breve. Isso se dá ao fato da plataforma não ter ganhado novas versões, visto que a mesma ficou parada no tempo recebendo apenas updates corretivos de suporte pela empresa

Mas embora não receba mais novidades, o Windows Phone tinha algumas versões que recebia essas correções e atualizações de segurança. Contudo, a companhia se pronunciou oficialmente dizendo que encerrará o suporte total ao sistema em dezembro.

Os dispositivos que estão no Windows 10 Mobile versão 1709 receberão patches de suporte de segurança até 10 de dezembro, enquanto os Lumia 640 e Lumia 640 XL na versão 1703 durarão apenas até o dia 11 de junho. Contudo, a Microsoft recomenda que os usuários existentes do Windows Phone “migrem para um dispositivo com Android ou iOS.

História

O Windows Phone foi lançado em 2010 com uma tentativa da Microsoft de conquistar relevância no mercado de smartphone e rivalizar com o Android e iOS. Porém a plataforma foi apresentada um pouco tarde, o que acarretou em esquecimento por diversas empresas que já estava desenvolvendo grandes aplicações para o sistem do Google e da Apple.

Mesmo assim, em 2012 a Nokia investiu na plataforma e alcançou um tanto de sucesso com seus smartphones Lumia. Mas a falta de suporte por parte dos desenvolvedores era frequente e a plataforma e os dispositivos entraram em decadência pouco a pouco. Foi assim que a plataforma foi descontinuada.

 

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.