Microsoft patenteia um novo projeto bloqueio magnético para o Continuum for Phones

patente de display anexável 1

Com o Continuum, a Microsoft visa transformar diminuir as limitações do seu dispositivo o permitindo operar uma tela muito maior, dando lhe assim atalhos e a capacidade de um desktop completo, mas em um pedido de patente Microsoft observa que neste mundo móvel esse arranjo ainda é um pouco estranho.

A empresa afirma:

Dispositivos de computação móvel têm, ao longo dos últimos anos, adquirido capacidades de computação e gráficos substanciais. Estes dispositivos móveis são capazes de apresentar o conteúdo em resoluções e velocidades que eram realizados apenas através de grandes dispositivos de computação, tais como computadores de mesa, de alguns anos atrás.

Estes dispositivos no entanto, são limitados por suas telas pequenas. Para resolver esta limitação, alguns usuários compram aparelhos com telas maiores ou ligam telas maiores aos seus dispositivos móveis e por meio de várias alterações de configuração, drivers de dispositivo, e assim por diante, buscando permitir que os seus dispositivos móveis possam apresentar o conteúdo em uma tela maior. Esta solução, no entanto, se esforça para ser pratica, em muitos casos, o resultado se aproxima de uma espécie de desktop com o dispositivo móvel atuando como o processador, mas com muitas das mesmas limitações que áreas de trabalho atuais, tais como ser volumoso, pesado, ou lento para configurar.

Microsoft no entanto desenvolveu um novo tipo de fechadura magnética que irá bloquear firmemente dois componentes juntos, enquanto continuam sendo capazes de facilmente desprender os componentes eletronicamente.

patente de display anexável 2

Este documento descreve um lockable display ( algo como uma “tela bloqueável” a outra magneticamente) e as técnicas que permitem o seu uso. A técnica permite um dispositivos de computação prender-se e desprender-se à outro usando pouco ou nenhuma energia e com um design sem emendas. As técnicas e os mecanismo também podem permitir a integração entre um lockable display e vários dispositivos de computação , inclusive para criar um design funcional e física quase perfeita .

Por mais que pareça estranho a primeira vista é uma ideia muito interessante que pode atribuir bastante ao conceito do Continuum. Com isso vemos que a Microsoft está cada vez mais focada nas capacidades do continuum para o futuro, preparando a longo prazo um terreno promissor aos seus dispositivos móveis e pensando na próxima era da computação.

Via: WMPU

Sobre André Portella

Estudante de TI, viciado em música, adorador de tecnologia e games.