Mais memória e o vidro do Motorola One ou a robusta bateria e alumínio do Zenfone Max Pro M1?

Estivemos utilizando o Motorola One e o Zenfone Max Pro M1 nos últimos meses, ambos com o sistema Android One! Portanto, tomamos a liberdade de fazer um vídeo comparativo entre os dois modelos para sanar dúvida de alguns consumidores, visto que os consumidores sempre se deparam com duvidas na hora de comprar um novo aparelho.

Antes de mais nada, é importante lembrar que os dois modelos custam praticamente o mesmo valor, isso se for a versão com 64 GB de armazenamento e isso é certa de R$1400 reais à vista. Mas somente o Zenfone tem opções mais acessíveis com um modelo de 32GB de ROM e 3 GBde RAM, que custa menos de 1.200 reais.

DESIGN

Ambos são bonitos e bem construídos, porém minha preferência em particular é a construção em alumínio por oferecer mais resistência, especialmente pra mim que não me adapto bem com aparelhos de tela grande e sei que mais cedo ou mais tarde deixarei ele cair uma ou mais vezes. Por isso eu preferiria o Zenfone Max.

DISPLAY

Aqui ambos empatam pelo fato deles possuir um display LCD do tipo IPS, porém somente o Max Pro possui resolução FullHD+ , o que é uma grande desvantagem para o One que tem resolução apenas HD+ . Mesmo assim, será muito difícil colocar um ao lado do outro e perceber diferenciação na exibição de imagens e vídeos.

DESEMPENHO/HARDWARE

Logo de cara sabemos que o Max Pro leva vantagem pelo conjunto da obra: são 4GB de RAM auxiliados a um dos chipsets mais robustos para um intermediário, que é o Snapdragon 636. Um processador mais eficiente e que economiza mais bateria. Já o One está equipado pelo antigo Snapdragon 625, que não fica tão atras assim, visto que na usabilidade do dia dia vai te entregar velocidade em par de igualdade ao 636, é só ter os dois em mãos e ver se há alguma diferença no uso diário. Mas claro, é inegável que a arquitetura do 636 é melhor que a do 625..

SOFTWARE

Aqui, a vantagem fica para o aparelho da Motorola por fazer parte do programa Android One – o que significa que o modelo terá um cronograma de updates bem recheados para nenhum usuário por defeito. Mas o fato curioso é que Max Pro não faz parte do programa Android One, mas apenas tem uma experiência de Android Puro e, inclusive o Android Pie já chegou ao Moto One, enquanto o Zenfone Max Pro continua no aguardo.

CÂMERA

No Zenfone, temos uma câmera principal dupla de 13 megapixels Omnivision 16880, f/2.2 + 5 MP; Eles funcionam em conjunto para aplicar o efeito bokeh, e também podem ser usados individualmente – você tem a opção do formato padrão ou fazer uso das capturas em visão grande-angular. Ainda é possível gravar vídeos em 4K ou 1080p em 60 FPS.  A frontal possui sensor de 8 MP.

Já o Motorola One tem sensor principal é de 13MP f/2.0, enquanto o secundário é de apenas 2MP f/2.4 que ainda são auxiliados ao flash de dois tons. A câmera frontal de 8MP.

A Conclusão sobre as duas configurações está no vídeo anexados, podemos ver que é muito difícil notar diferença real entre um e outro!

ÁUDIO

Embora nenhum aqui tire vantagem do outro por não possuírem alto-falantes estéreo, a vantagem, em particular, ficaria para o Zenfone Max Pro por ter a saída de som um pouco mais eficiente e alta, nossos testes evidenciam isso.

BATERIA

A diferença de capacidade de bateria entre um e outro aqui é gritante, uma vez que o MAx Pro tem bateria de 5.000mAh, já o Moto One tem capacidade de apenas 3.000mAH, o que deixa evidenciado que o Max Pro entregará uso mais prolongado ao longo do dia.

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.