Mudança no WhatsApp seguirá o padrão do Android 10; recurso para fazer mensagens desparecerem também chegará

Mesmo que não seja o mais completo dos mensageiros, o Whatsapp é uma escolha quase que imutável para grande parte dos usuários. Isto que permite que a companhia possa demorar-se a desenvolver e entregar novos recursos sem grandes chances de perder usuários no meio deste processo.

Deste modo, funções esperadas a muito tempo como a inclusão de um bloqueio por senha ou as mensagens secretas (presentes em outras soluções existentes no mercado) ainda não fizeram a sua estreia no aplicativo. Ainda que pareça estar em um estágio estagnado, a última versão do programa beta demonstra que o mensageiro está preparando agradáveis novidades para os seus usuários.

Em sua compilação de número 2.19.282, o Whatsapp Beta trás o tão desejado modo escuro, que já tinha dado as caras em outras versões, mas parecia ter sido abandonado até então. A novidade segue o padrão do Android 10, permitindo ao usuário escolher entre definir entre os temas claro, escuro ou a possibilidade da aplicação adaptar-se automaticamente de acordo com o tema escolhido para o sistema.

Ainda que o retorno da função ao programa beta seja animador, alguns bugs existentes indicam que ainda há um certo trabalho a ser feito, como pode ser observando na adaptação da fonte em caixas de texto amarelas (terceira imagem).

Outro recurso que está sendo trabalhado pela companhia é a possibilidade da aplicação apagar automaticamente as mensagens enviadas após um certo período de tempo definido. Deste modo, é esperado que o usuário possa manter o tamanho do seu histórico de conversação sobre controle, podendo configurar para que suas mensagens sejam completamente excluídas a cada 30 dias, por exemplo.

Mesmo não sendo o foco por trás da novidade, a função também pode gerar conversações extremamente furtivas, visto que é possível configurar para as mensagens trocadas sejam automaticamente apagadas após apenas 5 segundos. O recurso tem compatibilidade com os grupos (de acordo com a liberação do mesmo pelo administrador) e com as conversas privadas.

Como é de conhecimento geral, as funções desenvolvidas no programa beta nem sempre chegam a versão oficial, mesmo quando encontram um estado totalmente estável. Contudo, ao menos o modo escuro deve chegar ao sistema nas próximas versões, visto a popularidade que a funcionalidade tem obtido em outras aplicações do Facebook.

Via.

Sobre André Portella

Estudante de TI, viciado em música, adorador de tecnologia e games.