Nadella admite “Nós claramente perdemos no mobile, agora precisamos crescer em novas categorias.”

Satya Nadella

Em uma entrevista com o Wall Street Journal, o CEO da Microsoft Satya Nadella falou da realidade mista e como o HoloLens pode se transformar na próxima geração das coisas.

Durante o bate-papo ele disse: “O computador final para mim é o mundo de realidade mista. O seu campo de visão torna-se um display infinito. Você vê o mundo e no mundo que você vê há objetos virtuais e hologramas “.

Nadella disse que os atuais HoloLens foi apenas o começo, comparando-o ao que o Surface era alguns anos atrás. “Pense no que fizemos. Naquela época, as pessoas perguntavam ‘O que é um 2-in-1? Agora, é uma categoria em crescimento. ”

Nadella admitiu que por um longo tempo, a Microsoft foi complacente. “O sucesso inicial é provavelmente a pior coisa que pode acontecer na vida”, disse ele. Mas agora, ele quer que a Microsoft seja uma empresa de culturas diversificadas “aprender-tudo” em vez de uma cultura “saber-tudo”.

“Nós claramente perdemos o sucesso no mobile”, disse. “Agora temos que ter a certeza de crescer em novas categorias.”

“Para mim a marca Microsoft sempre se destacou por ser a empresa que tem sempre um pouco de novas tendências utilitárias”, disse Nadella. “Somos a empresa que representa os construtores, fabricantes e criadores. E essa é a marca que queremos. ”

Só para esclarecer o tópico principal deste artigo sobre a “perda no mobile”. Bom, isso pode significar que, a empresa não entrou no momento ideal no ramo dos smartphones, ou seja, eles agiram um pouco tarde, quando tudo já estava praticamente definido e havia um certo dominio por parte do Google e da Apple. Duas empresas que já estavam consolidadas no seguimento mobile.

Com isso, desde a sua entrada para empresa como CEO em meados de 2014, temos visto Nadella fazer reduções de custos referente ao setor móvel e esse parece ter sido um dos seus objetivos, com a empresa deixando de fazer grandes investimentos, descontinuando e cancelando diversos produtos. Isso evidentemente vem se refletindo em quedas drásticas no setor.

Felizmente esse quadro poderá mudar em 2017, uma vez que a empresa se pronunciou semanas atrás dizendo que fará novos investimentos e que está comprometida com o Windows 10 para smartphones. Entre abril e junho do próximo ano possivelmente veremos novos smartphones fabricados pela empresa. Só depois disso é que veremos como a empresa vai se sair em o que parece um retorno ao ramo de desenvolvimento de dispositivos móveis.

Via: Engadget

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.