O matador de flagships OnePlus 5 deve vir sem entrada para fones de ouvido de acordo com rumores e especulações

Surgindo do nada e conquistando o mundo muito rápido, a chinesa OnePlus conseguiu ganhar tal relevância ao ponto de fazer com que cada lançamento novo seja altamente esperado por uma parcela fiel de compradores em busca de um smartphone poderoso por um preço justo. Contudo, um balde de água fria deverá cair sobre os audiófilos: especula-se que o modelo seguirá a péssima tendência da Apple, abandonando a entrada P2.

Após 3 gerações bem sucedidas, o novo OnePlus 5 parece estar tentando buscar alguma inovação especifica, porém pelo caminho errado. Uma vez que até o momento não foi confirmada a presença da entrada de 2.5 mm para fones de ouvidos, todos as modelagens e renderizações derivadas vem demonstrando a substituição do amado plug pela a unica saída USB tipo-C presente no aparelho.

Se a sua preocupação é com desempenho, pode ficar tranquilo. Segundo os dados vazados na rede social Weibo, a OnePlus mais uma vez está desenvolvendo um monstro com especificações de ponta. Através de um post da Kumamoto Technology é “confirmado” a presença do poderoso processador Snapdragon 835, que fará par com expressiva quantidade de RAM, sofrendo variações entre 6 GB e 8 GB de vazamento para vazamento. Junto a isto, a página ainda garante a presença das câmeras duplas na traseira, da permeância do sensor de digitais na frente e algo entre 128 GB e 256 GB para o armazenamento interno. A bateria do smartphone deverá contar com 3600 mAh, que não impressiona diante da tela de 5.5 polegadas em resolução QHD. Apesar disto, é indicado uma melhoria de 25% no tempo de carregamento do aparelho, balanceando as coisas.

Caso a chinesa permaneça comprometida com a sua filosofia de preços, este parece ser um grande concorrente para modelos como Galaxy S8, LG G6 e Xiaomi Mi 6. Podendo custar até metade do que é cobrado pelas gigante, mais um consistente dispositivo da OnePlus tem tudo para receber o titulo de “matador de flagships” neste ano, pelo menos para aqueles que não ligam para carregar o dispositivo e ouvir música ao mesmo tempo.

Fonte | Via

Sobre André Portella

Estudante de TI, viciado em música, adorador de tecnologia e games.