Início » Meu-Windows » Outra fabricante apresenta descontentamento com a Microsoft após várias promessas quebradas

Outra fabricante apresenta descontentamento com a Microsoft após várias promessas quebradas

Existe toda uma teoria sobre quais são os planos da Microsoft para o mercado móvel, uma vez que a empresa não se posiciona de forma conclusiva sobre os seus interesses com este segmento. Após assistirmos o fim da linha Lumia e o que parece um hiato das atividades com hardware neste setor, a esperança da chegada do Surface Phone aquece o coração dos fãs da empresa, enquanto os mais fervorosos entusiastas afirmam que o negócio vai bem, graças as fabricantes parceiras que também fazem uso do sistema móvel da companhia.

Contudo, em uma entrevista feita pelo blog Neowin, Tetsushi Hoshikawa, presidente da companhia japonesa Trinity, afirma que as coisas não vão tão bem assim. A fabricante parceira responsável pelo NuAns Neo, mostra claramente um desapontamento com o baixo alcance do Windows 10 Mobile, agravado ainda mais hoje, com a baixa promoção por parte da Microsoft.

Após falhar em um financiamento coletivo via Kickstarter que tinha o objetivo de trazer o dispositivo para os Estados Unidos, a empresa explica que não existe mais interesse em entrar nos mercados americanos e europeus com este modelo. Hoshikawa afirma que esperava alcançar maior sucesso que a linha Lumia ao trazer um design totalmente inovador em relação aos padrões do mercado, contando com o maior apelo da diferenciação do Windows.

A Microsoft ofereceu o seu sistema para as fabricantes prometendo compromisso com o crescimento do seu alcance de mercado, o que claramente não aconteceu durante o ano de 2016. Através de vários posts públicos no seu blog, a empresa afirmou que trabalharia em atualizações constantes ao fim de trazer mais aplicativos para a plataforma, o que beneficiaria as vendas das fabricantes com o aumento do interesse pelo sistema.

Essas não é a primeira vez que a gigante de Redmond falta com sua palavra e prejudica suas parceiras, uma vez que ao quebrar a promessa de atualizar todos os dispositivos com o Windows Phone 8.1, muitos dos aparelhos já confirmados para o update acabaram abandonados, manchando a imagem e tirando credibilidade das fabricantes afetadas.

Fonte.

Sobre Deco Portella

Estudante de TI, viciado em música, adorador de tecnologia e games.