Seria o Redmi Note 8 um tanto inferior ao Redmi Note 7? Estes testes podem confirmar

O Redmi Note 8 foi apresentado há poucas semanas como o sucessor do tão bem sucedido Redmi Note 7 que já vendeu mais de 20 milhões de unidades em aproximadamente 8 meses após o seu lançamento. Contudo, será uma boa ideia comprar este sucessor e abrir mão do Redmi Note 7?

Através de uma postagem em grupo relacionado ao Redmi Note 7, um membro questionou aos membros a possibilidade de trocar o seu RN7 pelo sucessor Redmi Note 8. Mas daí vieram algumas dúvidas sobre, achando então que teria um belo upgrade nessa troca. Vejam o que ele diz abaixo:

Pô galera,eu já tava confiante de que ia pegar o RN8 e mó felizão porque na teoria ele era um RN7 só que com uns recursos a mais, daí eu fui pesquisando mais sobre ele e descobri um problema que me deixou com um pé atrás em pegar o RN8:

De acordo com o site ”KImovil” o RN8 apesar de ter um processador SD665 e uma GPU Adreno 610 pontua menos que o RN7 no AnTuTu Benchmark, que tem um SD660 e uma GPU Adreno 512. RN8= 143k pontos / RN7= 166k pontos.

Na minha opinião isso não faz o menor sentido. Mas daí eu fui caçar os testes na gringa mesmo porque no YouTube BR não vi ninguém fazendo teste de desempenho pelo AnTuTu no RN8 (só tem vídeo do RN8 Pro) e vi que o RN8 pontuou ainda menos, só conseguindo fazer 140k que é menos que o esperado.

Vi vários testes no PUBG também e os ajustes máximo que o RN8 conseguiu atingir foi com Opções Gráficas no BALANCEADO e a Taxa de Quadro no MÉDIO. Enquanto os ajustes máximo do RN7 são com Opções Gráficas no HD e a Taxa de Quadros no MÁXIMO. Isso é meio broxante pra pessoas que gostam de jogar no celular que nem eu kkk.

Essa postagem tem dado ênfase para aqueles que curtem muito jogos em Celular. Porém, levando em consideração os demais recursos que o Redmi Note 8 pode oferecer, como mais sensores de câmera, correção do problema dos microfones e conexão 4G (band 28), não seria uma má ideia comprá-lo. No entanto, é bom lembrar que o aparelho chega com um valor levemente superior, ou seja, custando cerca de R$ 1.500,00 (com a atual taxa do dólar).

Lembrando que, quem decidir hoje por comprar o Redmi note 8 Pro, deverá saber que este é um aparelho incompatível com o GCAM. Portanto, mesmo aparentando um ótimo custo benefício, hoje não é uma boa ideia comprar um telefone sem suporte ao GCAM e acredito que todos já sabem como é ruim ficar sem o GCAM em um telefone intermediário.

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.