Sony afirma que será a primeira empresa à atualizar seus dispositivos para o Android 7.1.1

A atualização para o Android Nougat tem se mostrado a mais demorada a chegar nos dispositivos entre os updates vistos nos últimos anos, sem dúvidas. O update que começou a ser distribuído oficialmente no final de agosto para os aparelhos da linha Nexus e Android One. Até o momento só pode ser encontrado nos Pixels do Google e no V20 da LG, sem ter chegado oficialmente a nenhum modelo lançado em 2016.

Segundo os rumores, a japonesa Sony será a primeira empresa a quebrar o tabu e atualizar um dos seus mais recentes dispositivos para a versão 7.1.1 do sistema. Se analisarmos os acontecimentos desde o desenvolvimento do sistema, faz bastante sentido que a Sony consiga tal feito, uma vez que o Xperia Z3 esteve no programa de testes do Nougat como o primeiro aparelho “não-Nexus” a participar dos betas do Android.

De acordo com o time de desenvolvimento da companhia, trazer a mais recente atualização é a “prioridade número 1” para os planos da empresa, indicando que o desenvolvimento interno está a todo o vapor. “Se você ver alguma fabricante (exceto a Google) liberando o update antes de nós, podem preparar os tomates podres“, disse um porta voz da equipe.

A Sony ainda afirma que já esta trabalhando no código, porém ainda aguarda a suíte de aplicativos (GSM apps) e a suíte de testes de compatibilidade (CTS) serem oferecidas pela Google. O novo Android Nougat 7.1.1 não traz funções de grande peso ao sistema, mas acrescenta diversas pequenas modificações que tornam o Android ainda mais consistente, funcional em multi-tarefas. Uma vez que confirmou que curiosamente não atualizará o Z3, o update deverá começar pelos aparelhos da linha X, em seguida aos consagrandos aparelhos da linha Z5.

Fonte.

Sobre André Portella

Estudante de TI, viciado em música, adorador de tecnologia e games.