Tizen 3.0 será o sistema do próximo flagship da Samsung

Com um mercado altamente resistente a mudanças, acompanhamos grandes e promissores sistemas operacionais surgirem e fracassarem em alcançar o seu espaço entre os gigantes Android e iOS. Por mais que a proposta seja ambiciosa, convencer o consumidor a mudar nunca é fácil, principalmente com o modelo atual que se baseia em ecossistemas de aplicativo, o que torna a tarefa sempre árdua para um iniciante. Ainda assim, algumas poucas fabricantes continuam na tentativa de alterar este padrão de mercado e oferecer algo totalmente novo para o consumidor.

Este é o caso da Samsung, que aos poucos tem buscado expandir o alcance do seu sistema operacional próprio, em uma trilha que deverá algum dia livra-la das amarras do Google. Mesmo que a companhia lidere as vendas de dispositivos com Android, tem trazido com constância updates para melhorar sua plataforma baseada no Linux Kernel, o Tizen. Atualmente na versão 2.4, a sul coreana já trabalha em uma nova grande atualização que deverá chegar junto com o primeiro flagship rodando o seu OS.

Com o codinome SM-Z250F, o novo dispositivo trará o mesmo conceito do Samsung Z2, dessa vez munido de um hardware mais parrudo, rodando sobre o novo Tizen 3.0. Ainda que este projeto não deva chegar a ter um grande foco por parte da Samsung no momento, esta pode ser uma boa oportunidade para a companhia testar conceitos alternativos à linha Galaxy, ao mesmo tempo que os preços amigáveis que a linha apresenta possibilitam o aumento de alcance do seu sistema em países emergentes.

Fonte.

Sobre André Portella

Estudante de TI, viciado em música, adorador de tecnologia e games.