Um curioso problema de Memória Cheia|Seu Xiaomi fica ou ficou assim?

Memória do celular cheia é algo que causa dor de cabeça em muitas pessoas, afinal não é todo mundo que pode investir em um modelo com dezenas de gigas.

Por outro lado, nem sempre a liberação de espaço tem o resultado esperado, algo que é muito comum de ser visto em diversos smartphones, incluindo os da Xiaomi.

Há quem faça limpeza de cache, formate e, independente de qualquer método, a quantidade de memória continua em falta após a restaurar todos os aplicativos e arquivos.

Daniel Panta, seguidor do “Meu Smartphone” estava percebendo esse problema e, para acabar de vez com a dor de cabeça, resolveu usar um método diferenciado para ter mais memória no Redmi Note 8 dele.

O problema

Daniel adquiriu um Redmi Note 8 para uso pessoal e, depois de alguns dias de uso, percebeu que estava tendo problemas com a capacidade de memória do smartphone e que estava ficando cheio com apenas pouquíssimos apps de pouca capacidade instalados.

Outros conteúdos de mídia, como vídeos, músicas e fotos, ele deixa no cartão microSD, algo que ajuda a manter a memória interna equilibrada, uma vantagem para quem tem celulares com 32 GB.

Em alguns casos, o uso de cartão de memória, mesmo para armazenamento de fotos e vídeos, pode influenciar na usabilidade do smartphone, já que nem todos analisam a qualidade do produto antes de plugar no celular.

Todavia, mesmo deixando sem o cartão de memória, não apresentava melhoras, até mesmo prejudicando o uso de alguns apps nativos, algo que poderia indicar um problema de fábrica.

A solução estava no próprio celular

Ao utilizar o aplicativo de limpeza nativo da Xiaomi para fazer um rastreamento mais profundo de qual poderia ser o problema, Daniel encontrou diversos arquivos de imagens, jogos e pastas que ele já havia deletado anteriormente para evitar que a memória ficasse cheia.

Após deletar os arquivos pelo programa de limpeza, foi possível ter a liberação da memória novamente, conseguindo mais de 20 GB de espaço, para que a performance pudesse voltar ao normal sem a necessidade de formatar.

Ainda não há uma informação oficial da razão para a Xiaomi manter os arquivos no celular por tanto tempo, se é uma espécie de backup ou não, mas acaba sendo algo que suga a memória do celular e muitos não sabem como resolver na prática.

Se você passa ou já passou por esse problema, comente aí se funcionou para você!

Sobre Jucyber

Só uma garota apaixonada por tecnologia, mundo nerd, ficção científica e carros. CEO e criadora de conteúdo do TECNOAGE, Redatora no TudoCelular e freela aqui no Meu Smartphone quando solicitada.